Uma carroça para o futuro

Ontem, participei de um Hackathon cujo desafio era discutir e prototipar a Carroça do Futuro.

O evento aconteceu no Sesc Paulista, organizado pela equipe da ONG Pimp My Carroça em conjunto com a empresa Arco, do ramo de inovação, responsável pela organização do Hackathon.

Mas o que é um Hackathon?

Para aqueles que não conhecem ou estranharam o termo, Hackathon, trata-se de um evento que reúne profissionais de várias áreas, envolvidas em um único desafio que norteará o trabalho para criar soluções viáveis para este desafio.

Reunidos em um espaço maker, estavam profissionais de diversas áreas – designers, engenheiros, arquitetos, professores, ativistas entre outros junto os protagonistas do projeto: os carroceiros.

A partir de conversa e desenvolvimento do mapa de empatia com os carroceiros, nosso desafio era juntar todas as ideias em um pequeno protótipo e um vídeo com as ideias que cada grupo teve para projetar a sua Carroça do Futuro.

Posso dizer que, além de aprender uma nova metodologia para resolução de problemas e desenvolvimento de projetos, estar ali com os carroceiros, protagonistas da coleta de resíduos sólidos com suas carroças, nas ruas de São Paulo ou em outras localidades.

Lucena, Fabiana, Elismaura e outros carroceiros ensinaram a todos nós um pouco do seu dia a dia nas ruas, sua luta para que sejam reconhecidos como pessoas, como desenvolvem seu trabalho e quais seriam os ajustes necessários para a construção de uma carroça que atendesse suas necessidades.

Além das aulas que recebemos dos amigos carroceiros, conviver com o pessoal do Pimp foi muito importante para sentirmos seu pique e desejos para uma vida mais digna para todos os catadores e catadoras.

Enfim, valeu muito aprender junto com outros parceiros desse projeto, junto com meu filho, o designer gráfico Marcus Vinicius Godoy e ver que muita gente está preocupada em melhorar a vida destes seres humanos maravilhosos.

Muitas vezes me perguntam se eu ainda acredito no ser humano e se o mundo tem jeito. Ações como essa, engajamentos pelo outro, mostram que é possível e que tanto o mundo, quando ser humano, ainda tem jeito.

Parabéns à equipe do Pimp My Carroça, da Arco, do Sesc e a todos que ali se envolveram.

Ah… para quem quiser conhecer um pouco deste projeto, acesse  http://pimpmycarroca.com/

Que o futuro possa ser mais leve para estes homens e mulheres que contribuem para deixar as cidades mais limpas!

Um grande abraço,

Professor Robson Santos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *